Contribuir small-arrow

Os mais lidos do ano e uma piscadela de olho para 2022

Mesmo que meio às cambalhotas, com esta pandemia que parece não dar tréguas, chegamos ao fim de mais um ano de coração cheio e com a sensação de missão cumprida. Teimámos em manter as mangas arregaçadas e isso, juntamente com os encontros que foram acontecendo e as boas energias que nos foram chegando desse lado, […]

Partilha

Mesmo que meio às cambalhotas, com esta pandemia que parece não dar tréguas, chegamos ao fim de mais um ano de coração cheio e com a sensação de missão cumprida. Teimámos em manter as mangas arregaçadas e isso, juntamente com os encontros que foram acontecendo e as boas energias que nos foram chegando desse lado, deram frutos e firmaram a certeza de que para a frente é o caminho. 

Em tom de revista do ano, lembramos 15 dos artigos mais lidos na Coolectiva em 2021. Artigos que mostram como o espírito de solidariedade, de união, de orgulho e interesse pelo que se passa em Coimbra e no Centro estão bem presentes entre quem faz este caminho connosco. A esses ingredientes juntamos um optimismo incurável e avisamos que é esse o mote do que temos preparado para o ano que começa. 

Têm disponibilidade e gostavam de ajudar o SNS?

20.01.2021

Se não forem grupo de risco nem morarem com alguém que seja grupo de risco e estiverem em casa, de boa saúde e sem poder trabalhar, saibam que podem ajudar o Serviço Nacional de Saúde (SNS) no combate à pandemia. 

Ler aqui

Vêm aí 5 mercados que não podem perder

20.10.21

O Dicionário diz que é um lugar público coberto ou ao ar livre onde se compram mercadorias postas à venda e nós sabemos, mas queremos que se lembrem de que às vezes os mercados são bem mais que isso. Podem ser local de aprendizagem, motivo de convívio e oportunidade para repensar o habitual consumismo. Estes são e têm entrada gratuita.

Ler aqui

Em Coimbra há um Mercado pioneiro no país e é só para miúdos

16.10.21

E se as crianças fossem ao mercado, tal e qual os adultos? A diferença é que em vez de irem às compras vão às trocas, mas há uma moeda que ensina os pequenos vendedores e compradores, de brinquedos e acessórios infanto-juvenis, a entender o que é essa coisa do valor e da gestão. Desde 2011, que a associação cultural Casa da Esquina promove o Mercado de Trocas para Crianças e Jovens, sempre num sítio diferente da cidade de Coimbra. 

Ler aqui

Estas empresas de Coimbra deram cartas na Web Summit

04.11.21

De 1 a 4 de Novembro de 2021, Lisboa foi casa da conferência de tecnologia mais badalada do momento. Nos pavilhões da FIL e na Altice Arena, que acolhem o evento, sentiu-se o pulsar da inovação, tecnologia e novidade. Estivemos lá e, nesta que foi uma edição histórica por pela primeira vez mais de metade das pessoas que a frequentaram terem sido mulheres, conhecemos algumas das empresas de Coimbra que foram à Web Summit mostrar o que andam a fazer.

Ler aqui

Está aberta a nova Casa do Cinema de Coimbra

13.05.21

Casa cheia. Há quanto tempo é que a esta expressão e cinema não podiam fazer parte da mesma frase? Mas foi o que aconteceu, na estreia da nova Casa do Cinema de Coimbra. Cerca de 96 espectadores, com muita vontade de voltarem a sentarem-se juntos na sala escura para ver um filme no grande ecrã, foram à sessão de abertura no velhinho cinema das Galerias Avenida, que já tínhamos dito que tinha sido reabilitado. É um espaço que fazia falta em Coimbra, mesmo sem pandemia é uma coisa bem-vinda, dá uma certa independência e regularidade da programação, diz o cinéfilo Pedro Nora à saída do Estúdio 2. 

Ler aqui

Há um passeio que podem fazer ao longo do rio Mondego

16.03.21

Já aqui tínhamos falado da Praia Fluvial do Rebolim, que no ano passado passou a ser vigiada, ganhou novas infraestruturas de apoio e acessos. Mas continuando a explorar a margem direita do Rio Mondego, há uma caminhada bem bonita, em terra batida, que é possível fazer até à Ponte da Portela e Foz do Rio Ceira.

Ler aqui

Aqui conhecem a fascinante história dos Judeus de Coimbra na Baixa da cidade

09.07.21

Coimbra teve duas judiarias, onde viveram muitas pessoas durante muitos anos, que contribuíram para o desenvolvimento da cidade mas que, infelizmente, não tiveram o final mais feliz. Mas a história, que foi sendo descoberta, já está a ser contada. Podem seguir o rasto dos Judeus de Coimbra na nova exposição Judeus de Coimbra | da Tolerância à Perseguição | Memórias e Materialidades, no espaço recuperado do Edifício da Inquisição, no Pátio da Inquisição, na Baixa da cidade. Fizemos uma visita guiada por Berta Duarte, historiadora e curadora da mostra. 

Ler aqui

COIMBRA NO MUNDO | Bergen, Noruega

07.03.21

Decorria o ano de 2012 e Portugal continuava  a lutar contra uma crise económica que nos afetava a ambos. Namorávamos há três anos e queríamos muito casar e constituir família, mas sendo eu arquitecto e a Susana engenheira civil, percebemos rapidamente que o nosso futuro teria de ser além fronteiras. Sentámo-nos e perguntámos um ao outro: “Para onde vamos?”. Ela respondeu América do Sul e eu Norte da Europa (não podia ser mais oposto!). No entanto, a vida aconteceu e surgiu a oportunidade da Susana vir trabalhar para uma empresa em Bergen, na Noruega, e resolvemos agarrar a oportunidade. Não tínhamos nada a perder. 

Ler aqui

Museu de Arte Erótica de Coimbra – uma exposição temática bem íntima e pessoal

09.02.21

Trepando a passo o pequeno trecho de calçada da Rua da Manutenção Militar até alcançar a livraria Dr. Kartoon, vê-se um anúncio dependurado da fachada. Diz Galeria d’Arte, logo acompanhado de um logótipo sugestivo. Entra-se na livraria e sobe-se ao 1.º piso – temos mesmo que entrar e percorrer a livraria para aceder ao Museu, o que é duplamente vantajoso: arte e literatura. Esta não é a livraria de um museu, é um museu numa livraria.

Ler aqui 

Espreitámos “A Bela América” que António Ferreira está a rodar em Coimbra

01.12.21

Acção!, grita António Ferreira, e a voz ecoa por todos os cantos da colina. Depois, o silêncio é quase enervante e a concentração é total. Estamos numa espécie de socalco relvado, na encosta junto à Couraça dos Apóstolos, à entrada de uma capela abandonada com uma grande vista sobre a parede de casas coloridas que compõem um dos melhores postais do centro da cidade de Coimbra.

Ler aqui 

Um passeio feminino por Coimbra e quatro mulheres extraordinárias

14.05.21

Às vezes, tornamo-nos guias de turismo quase sem querer, um ofício do qual não temos como escapar quando se trata da visita de amigos ou familiares e pelo qual não somos remunerados. De vários roteiros que já inventámos, há um que é preferido e foi feito à medida para uma amiga que só tinha um dia de passeio em Coimbra e queria homenagear o protagonismo de mulheres nas suas trajetórias individuais e lutas coletivas. Rabiscámos no mapa da cidade uma espécie de ligue-os-pontos pelas ruas estreitas, à procura dos recantos repletos de histórias que esperam ser contadas. 

Ler aqui

O “novo” Grémio Operário de Coimbra está de portas abertas à cultura na cidade

25.04.21

Foi o espaço de ensaio diário de Zeca Afonso, conta Miguel Matias. Recorda-o o busto do músico que depois de actuar na Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense se inspirou para fazer a canção que viria a ser, 10 anos depois, a 25 de Abril de 1974, a senha do Movimento das Forças Armadas (MFA) para o derrube do regime ditatorial em Portugal – Grândola, Vila Morena. Foram vários os espaços onde José Afonso cantou e encantou na cidade onde estudou. Este fica a apenas alguns metros de onde também viveu, na Alta, junto à Universidade de Coimbra (UC).

Ler mais 

Fomos ao Armazém da Sé Velha explorar velharias e antiguidades

16.12.21

Calcorreámos as ruas estreitas da Alta de Coimbra e fomos até aos números 16 e 18 da Rua dos Coutinhos que acolhem o Armazém da Sé Velha, uma loja de velharias e antiguidades que abriu as portas ao público em Agosto deste ano (2021), depois das dificuldades trazidas pela pandemia e as obras naquela zona. A loja está aberta de segunda a sábado, entre as 10h30 e as 18h30.

Ler aqui 

Joana Corker: “Aquela Coimbra onde não se passa nada já não existe”

24.11.21

Não gosta muito de falar. Sempre foi assim, desde miúda. A mãe chegou a levá-la ao médico, porque tinha a impressão de que ela devia ter algum problema. Parece que a estamos a ver, pequenina, a crescer com a voz abafada pelo som dos camiões que passam na antiga curva da casa amarela, junto à Estrada Nacional n.º1, no enclave entre três bairros de Coimbra: o Brinca, a Relvinha e o Loreto. Lembro-me que era uma zona muito perigosa e barulhenta, por isso cresci sempre mais enfiada em casa. O silêncio, afinal, era uma escolha. Era timidez, não gosto de falar, prefiro conversar a desenhar. E conversava. Principalmente com o pincel molhado nas paredes verdes da casa dos avós, onde ia lanchar e brincar com as galinhas, depois da escola.

Ler aqui 

A ave que habita os postes e o imaginário do Baixo Mondego

02.07.21

Se o milhafre nos der licença, deixa de ser o protagonista por um dia e dá espaço a outra ave que faz parte da pintura dos campos do Mondego: a cegonha-branca (Ciconia ciconia). Ela que bem merece a nossa atenção, apesar de não gostar de muita proximidade. A quem percorre os campos do baixo Mondego não lhe passa despercebida. Nem poderia, pois tudo o que é poste eléctrico ganha asas. 

Ler aqui

Até para o ano!

Texto: Filipa Queiroz
Foto (capa): Tiago Cerveira

Mais Histórias

Já viram os Concertos para Bebés programados para 2022?

Na recta final de um 2021 ainda bem desafiante, os Concerto para Bebés renovam as energias com um calendário cheio de coisas boas para descobrir em 2022. Além da programação regular no Convento São Francisco, em Coimbra, a companhia que faz espectáculos para crianças dos 0 aos 3 anos apresenta 11 programas distintos nas salas nacionais. A residência […]

quote-icon
Ler mais small-arrow

ACADEMIA STORIES | Estudo permite descontaminar máscaras de forma simples e barata

Uma equipa multidisciplinar da Universidade de Coimbra (UC) estudou e testou três formas simples e baratas de descontaminação de vários tipos de máscaras de proteção contra a Covid-19, que revelaram uma eficácia de praticamente 100%, permitindo vários ciclos de reutilização. O estudo, coordenado por Marco Reis, docente e investigador do Departamento de Engenharia Química da […]

quote-icon
Ler mais small-arrow

Músicos independentes de Coimbra esta call é para vocês

Há um ano, em plena pandemia, a Blue House lançou o 3 Meses Para o Futuro, um programa de meia centena de encontros musicais na cidade de Coimbra. Entre eles, estava o Café Curto, que continuou a acontecer semanalmente no Café Concerto do Convento São Francisco. Os show cases gratuitos continuam, com muita boa música […]

quote-icon
Ler mais small-arrow
Contribuir small-arrow