Filipa Queiroz

Directora

filipaqueiroz@coolectiva.pt

Diz-se que a vida dá voltas e no meu caso foi a 360º. Nasci em Coimbra mas sinto-me do mundo. Chamo casa a Braga, Lisboa, Parma e Macau, viajei por vários continentes e desde que me lembro de me perguntarem o que queria ser que a resposta é: jornalista. O mundo era demasiado fabuloso para não ser contado e é o que tenho feito profissionalmente desde que me formei em Comunicação Social, na Universidade do Minho, sobretudo na área cultural. Comecei a publicar online e na rádio mas um professor desviou-me para o audiovisual. Do estágio e quase três anos de trabalho na SIC voei para a redação da Teledifusão de Macau, do outro lado do planeta. Fui jornalista, editora e apresentadora do programa cultural semanal Montra do Lilau, colaborei com várias publicações e fiz dois documentários. Num absoluto reset voltei à origem em 2016, onde a Joana Pires Araújo me desafiou a sonhar uma Coimbra diferente, mais orgulhosa e ousada, e criámos a Coolectiva. Em quase quatro anos a tentar trazer para a luz o que há de melhor na cidade e região, essa viagem (mais uma) deu frutos e é on the job, com o coração todos os dias sobre o teclado, que me vejo a fazer parte de uma autêntica nova família. Uma família de loucos e sonhadores. Uma família chamada Coimbra Coolectiva.

Vamos discutir a cidade? Tragam as vossas ideias para a Praça Pública

Não queremos que os assuntos que interessam fiquem pelo café, pelos jantares de amigos e pelas redes sociais por isso criámos uma comunidade online, que está à espera dos vossos contributos.

quote-icon
Ler mais small-arrow

A cor saiu à rua na Marcha contra a Homofobia, a Transfobia e a Bifobia em Coimbra

«Aqui têm de nos ver», disse uma manifestante no meio da praça central da cidade. Educação, respeito e mais espaços de liberdade foram alguns dos desejos que ouvimos para Coimbra no Dia Internacional contra Homofobia, Transfobia e Bifobia.

quote-icon
Ler mais small-arrow

Coisas para fazer em Coimbra

É aquela altura do ano. Regressa a Queima das Fitas e também o Rally de Portugal, mas também há Baloiço Market e Ciclo de Teatro e Artes Performativas Mimesis.

quote-icon
Ler mais small-arrow

Já foram ver a «Meia Noite» na Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra?

Vestimo-nos da nossa maior curiosidade e saímos rumo ao Mosteiro de Santa Clara-a-Nova e outros espaços para conhecer a Anozero. Até 26 de Junho, há propostas de dezenas de artistas, actividades paralelas e visitas guiadas gratuitas todos os sábados.

quote-icon
Ler mais small-arrow

O Ciclo de Teatro e Artes Performativas da UC está de volta com mais de 40 propostas

Desde pintar um graffiti digital em edifícios da Baixa até falar com plantas do Jardim Botânico, viajar no comboio com a avó ou interpretar as posturas das estátuas, há dezenas de actividades para descobrir por todo o concelho de Coimbra este ano.

quote-icon
Ler mais small-arrow

O Porto ouviu mais de 100 entidades na sua Estratégia de Desenvolvimento Económico

Falámos com Ricardo Valente, vereador com o pelouro da Economia, Emprego e Empreendedorismo da Câmara Municipal do Porto, sobre a forma como foi construída a estratégia Pulsar Porto, considerada uma visão de cidade e não uma visão da Câmara.

quote-icon
Ler mais small-arrow
Voltar