Contribuir small-arrow
Voltar à home
Vejam mais

Prata da Casa

Sugiram

Outros convidados

Prata da Casa | À conversa com Olga Filipova

Numa altura em que todos parecemos normalizar a guerra na Ucrânia, cujas consequências são globais, conversamos com quem a vive de perto mas à distância e sem baixar a guarda. Olga Filipova é engenheira informática e esteve na fundação da Feedzai, o unicórnio tecnológico português nascido em Coimbra.

Partilha

Fotografia: Mário Canelas

Vejam mais

Prata da Casa

Sugiram

Outros convidados

Também podem ouvir no Spotify

Engenheira informática, está em Coimbra mas é co-fundadora e CEO da Workademy, empresa de EdTech sediada em Berlim, e co-fundadora de uma organização sem fins lucrativos de educação online com base na Ucrânia de onde é natural, mais precisamente Kiev.

Entre outras coisas, Olga Filipova é também uma incansável activista anti-guerra. Não gosta de usar o termo «activismo pela paz» porque diz que a luta pela paz implica muita vezes guerra e é isso que não está bem. Ligada a Coimbra há décadas, devido aos estudos e depois por motivos familiares, aquela que foi a número quatro na fundação da (hoje) gigante tecnológica Feedzai conta-nos como via Coimbra nessa altura e como a vê hoje, no rescaldo da pandemia e depois de a ter escolhido para viver em vez da capital alemã.

Filipova também conta que iniciativas tem desenvolvido localmente de apelo à consciencialização da comunidade para a importância de não normalizar a guerra que ainda se vive na Ucrânia, com consequências em todo o mundo, e ao apoio ao povo ucraniano. Ela é uma das responsáveis pelo evento Merch Ukraine que acontece Sábado, 17 de Dezembro, no Coolaboola Colab, onde vão ser partilhadas as histórias do galo de Borodianka (quase galo de Barcelos), da ponte Klytchko (quase ponte do Pedro e Inês) e do outdoor de Schevchenko (não tem nada a ver com futebol). As receitas da venda de merchandising de design exclusivo relacionado com as histórias reverte para a iniciativa Power Life in Ukraine, que vai comprar 100 geradores para os hospitais ucranianos.

Os nossos agradecimentos ao Hotel Oslo, em Coimbra.

Mais Histórias

Prata da Casa | À conversa com Hugo Monteiro

O que é que Coimbra pode ganhar com a visita de centenas de peregrinos da Jornada Mundial de Juventude em 2023? Hugo Monteiro, que coordena o Comité Organizador Diocesano explica e desafia toda a comunidade a envolver-se no processo.

quote-icon
Ler mais small-arrow

Prata da Casa | À conversa com Marta Lopes

Como é abrir uma empresa com apenas 18 anos? E depois criar a própria loja pioneira na cidade e até uma linha de produtos ecológicos, enfrentando tabus e preconceitos, por um mundo mais amigo do ambiente? Marta Lopes conta a experiência.

quote-icon
Ler mais small-arrow

Prata da Casa | À conversa com António Calheiros

A gestão pode ser a chave para vivermos vidas melhores e encontrarmos soluções para o nosso dia-a-dia? Até que ponto é importante sermos melhores trabalhadores ou empregadores? Professor da Coimbra Business School, coach e comunicador, António Calheiros tira todas as nossas dúvidas e mais algumas.

quote-icon
Ler mais small-arrow
Contribuir small-arrow