Contribuir small-arrow
Voltar à home
Vejam mais

Prata da Casa

Sugiram

Mais convidados

ūüé• Prata da Casa | √Ä conversa com Marta Lopes

Como é abrir uma empresa com apenas 18 anos? E depois criar a própria loja pioneira na cidade e até uma linha de produtos ecológicos, enfrentando tabus e preconceitos, por um mundo mais amigo do ambiente? Marta Lopes conta a experiência.

Partilha

Fotografia: M√°rio Canelas

Vejam mais

Prata da Casa

Sugiram

Mais convidados

Também podem ouvir no Spotify

Formada em Design Industrial, Marta Lopes abriu uma empresa de Seguran√ßa e Higiene Alimentar e Controlo de Pragas mal terminou o curso, com apenas 18 anos. Para tr√°s ficou o sonho de ir para It√°lia, mas come√ßava um caminho empreendedor que come√ßou em Santa Comba D√£o e voltou a Coimbra, carregado de orgulho, boas energias e uma nova miss√£o: a de contribuir para a economia local e promover a sustentabilidade ambiental. O encontro com uma empresa local produtora de detergentes com certifica√ß√Ķes Ecolabel e um problema de sa√ļde pessoal levaram Marta n√£o s√≥ a mudar de ramo como a pintar a sua vida de verde. Abriu a Green2You em 2019.

Como √© entrar no mundo dos neg√≥cios t√£o jovem? E depois abrir uma loja de produtos pioneiros na cidade? Como √© que foi recebida? Quais foram os desafios e, sobretudo, quais foram as solu√ß√Ķes? Do arranque da Green2You, num piso subterr√Ęneo do Centro Comercial Primavera, √† actual morada na Rua dos Combatentes da Grande Guerra, onde tamb√©m alberga eventos e oficinas e acaba de celebrar o 3.¬ļ anivers√°rio, conversamos com a empres√°ria que pelo meio tamb√©m nos conta como, durante a pandemia, criou a marca de cuecas menstruais Giras ao Sol.

Os nossos agradecimentos ao Hotel Oslo, em Coimbra.

Mais Histórias

ūüé• Prata da Casa | √Ä conversa com Lu√≠s Rodrigues

Dias depois de assumir o cargo de programador do Convento São Francisco, conversamos com o também ilusionista, advogado, professor, actor e sobretudo apaixonado por Coimbra, Luís Rodrigues.

quote-icon
Ler mais small-arrow

ūüé• Prata da Casa | √Ä conversa com Ant√≥nio Ferreira

Quase a estrear o novo filme totalmente rodado em Coimbra, António Ferreira revela-nos o seu percurso desde que começou a trabalhar como programador informático, até montar a própria produtora de cinema em Coimbra onde fez um dos filmes portugueses com maior sucesso de sempre.

quote-icon
Ler mais small-arrow

ūüé• Prata da Casa | √Ä conversa com Victor Torpedo

No rescaldo de uma participação inesperada no concerto dos Coldplay com a banda 5.ª Punkada, e a meio do ano mais profícuo de sempre, Victor Torpedo fala sobre a cidade onde está prestes a estrear um festival de rock.

quote-icon
Ler mais small-arrow
Contribuir small-arrow